O que você precisa saber sobre finanças do carbono

O financiamento de carbono é um mecanismo de financiamento que coloca uma quantia monetária sobre as emissões de carbono, permitindo que as empresas que desejam compensar suas emissões de GEE comprem créditos de carbono obtidos de organizações sustentáveis e seus projetos. 


Isto proporciona um financiamento vital para projetos inovadores que fazem das soluções energéticas sustentáveis uma realidade, inclusive para o benefício daqueles que vivem em países em desenvolvimento em todo o mundo. Sua empresa pode compensar suas emissões de GEE remanescentes que custam muito caro para serem reduzidas internamente através de parcerias com fornecedores respeitados e renomados, como o American Carbon Registry, Gold Standard, The Nature Conservancy e Verra, além de muitos outros. 


Neste artigo, os especialistas em gestão de emissões de GEE no SINAI definem o financiamento de carbono e os mercados de carbono que existem para apoiar o financiamento de carbono. Também explicamos como você pode combinar metodologias de financiamento climático para melhor gerenciar as reduções de emissões de GEE de sua empresa. 

O que é financiamento de carbono? 


Fonte: CLIMATECOIN



Os créditos de carbono são utilizados pelas empresas para compensar suas emissões de carbono, seja mantendo suas licenças de emissão ou fornecendo financiamento para projetos sustentáveis. Isto é normalmente completado através de uma troca, chamada de financiamento de carbono, que toma a forma de um pagamento anual ao parceiro do projeto de sua empresa, seja ele privado, público, ONG, ou outra entidade, para as reduções de emissões de GEE criadas uma vez que o projeto esteja totalmente operacional. 


O financiamento de carbono aumenta a viabilidade financeira de projetos de vanguarda, gerando um fluxo de receita adicional e permitindo a transferência efetiva de tecnologias, conhecimentos e expertise. Ele proporciona um meio de alavancar novos investimentos públicos e privados em projetos para reduzir as emissões de gases de efeito estufa globalmente, inclusive em economias em transição e países em desenvolvimento.

Mercados de carbono 

Um mercado de carbono permite a compra e venda de créditos de carbono. Sob um limite ou limite regulamentado, emissões de carbono, permissões ou licenças são fornecidas ou leiloadas para os emissores de carbono. 

As empresas ou países que conseguem emitir abaixo de seu limite são então autorizadas a negociar suas permissões extras - seus créditos de carbono - com aqueles que precisam de capacidade adicional, o que cria um mercado para comprar e vender créditos de carbono.

Por exemplo, suponha que uma empresa queira emitir mais emissões de carbono do que foi permitido. Nesse caso, a empresa pode comprar créditos daqueles que reduziram suas emissões abaixo de seu nível alvo ou de um projeto em um país em desenvolvimento que tenha certificado créditos de redução de emissões (CER) para vender.

A moeda dos mercados de carbono são os certificados de redução de emissões (ERCs) ou créditos de carbono.


O Mecanismo de Desenvolvimento Limpo 

O Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança Climática (UNFCCC) é um dos mecanismos flexíveis disponíveis, conforme delineado no Protocolo de Kyoto.

O objetivo do MDL é reduzir a quantidade de emissões de GEE em nossa atmosfera da maneira mais econômica possível. Ele permite que nações desenvolvidas utilizem CERs criadas a partir de projetos de desenvolvimento sustentável em países em desenvolvimento para alcançar parte de suas metas de redução de emissões (ER) sob o Protocolo de Kyoto. Em troca, os países em desenvolvimento recebem investimentos e financiamento em tecnologia limpa e receitas da venda de suas RCEs uma vez que os projetos sejam entregues e tenham gerado reduções de emissões de GEE. 

O que é um CER?

Uma Redução Certificada de Emissões, ou CER, é um certificado fornecido pelas Nações Unidas às nações membros para evitar uma tonelada de emissões de CO2. 


As RCEs são comumente emitidas aos estados membros para projetos que alcançam reduções de emissões de GEE através do uso de Mecanismos de Desenvolvimento Limpo (MDLs). Os MDL fornecem investimento vital para que os projetos de vanguarda possam arrancar e estabelecer uma linha de base para futuras metas de redução de emissões.


Os países com economias tradicionais ou desenvolvidas (conforme definido no Protocolo de Kyoto) utilizam as RCEs para ajudá-los a atingir suas metas de emissão. Esses países são capazes de atingir suas metas e são capazes de estabelecer metas futuras, pois isso torna o esforço de redução das emissões de GEE mais realizável.

A Unidade de Financiamento de Carbono do Banco Mundial

As iniciativas de financiamento de carbono do Banco Mundial apoiaram projetos em mais de 65 países e garantiram 2 bilhões de dólares em pagamentos de Redução de Emissões desde a criação do primeiro fundo de carbono, que foi lançado em 1999.

Seu apoio a iniciativas de financiamento climático que proporcionam ação ambiental e climática de próxima geração e escalável permitiu que mais de 5 bilhões de dólares fossem direcionados:


  • Parcerias que desenvolvem novos instrumentos financeiros para o desenvolvimento resistente ao clima e com baixo teor de carbono.
  • Ambientes regulamentares e políticos de apoio que ajudam a reduzir o custo e a desmontar as barreiras a projetos inovadores.
  • Atuar como um catalisador para acessar capital do setor privado para financiar e ampliar a ação climática.

A Unidade também inclui programas ambientais e de mudança climática fornecidos através do Banco Mundial juntamente com o Programa Piloto de Resiliência Climática (PPRC) e o Fundo Verde para o Clima

 

Combinando metodologias de financiamento climático para gerenciar a redução de emissões

 

O SINAI construiu ferramentas dinâmicas de avaliação de cenários que tornam mais fácil automatizar os cálculos de emissões de GEE de sua empresa. Nossa solução de software pode ser introduzida e apoiar imediatamente a sua empresa em qualquer etapa de sua jornada de gestão de emissões.  

 

Tornamos simples para sua empresa a medição, análise, preço e redução de suas emissões de CO2, ajudando sua empresa a manter-se no caminho certo para atingir suas metas de recarbonização a longo prazo.

 

A plataforma do SINAI é diferente de outros produtos de gestão de emissões existentes no mercado. Ela permite que você crie módulos de preços de carbono personalizados para combinar o impacto ambiental de sua empresa e fazer sentido a partir de dados complexos e ricos. Solicite um demonstração de nosso software hoje e veja como o SINAI pode ajudar sua empresa a trabalhar em prol de emissões líquidas zero, sem esforço.

Acesse conteúdos exclusivos

Mais posts no blog